Imagens e laudos de alta
qualidade e precisão!

Dia Mundial do Lúpus: visibilidade, informação, diagnóstico e tratamento

O lúpus eritematoso sistêmico (LES), também conhecido como lúpus, é uma doença complexa, sem cura, mas possível de ser controlada com tratamento e acompanhamento reumatológico, que atinge mais de 5 milhões de pessoas no mundo e 90% dos atingidos são mulheres entre 20 e 45 anos.

 

Visibilidade

O Dia Internacional do Lúpus é comemorado pela Organização Mundial da Saúde (OMS) no dia 10 de maio. 

Esta data é usada para conscientizar as pessoas sobre esta doença crônica e autoimune que não tem uma causa conhecida e que ainda conta com um processo difícil de diagnóstico.

 

Informação

O lúpus é uma doença inflamatória, crônica e autoimune. 

Por ser autoimune o sistema imunológico não diferencia vírus, bactérias e germes do que é saudável no corpo e isto faz com que o organismo crie anticorpos de forma descontrolada que atacam e destroem tecidos saudáveis.

Este ataque causa inflamação e dor e pode afetar qualquer parte do corpo (coração, pulmão, pele, cérebro entre outros).

 

Diagnóstico

Ainda não se sabe as causas para esta doença, mas acredita-se em fatores genéticos, hormonais e fatores ambientais como infecções e uso de alguns medicamentos. 

As principais manifestações clínicas são: fadiga, febre baixa, queda de cabelo, emagrecimento e perda de apetite. Essas manifestações acontecem devido às inflamações articulares, na pele, nervos, rins, pleura, pericárdio e cérebro. 

O diagnóstico é feito através da análise médica dos sintomas clínicos que o paciente apresenta e da dosagem de anticorpos resultantes no exame de sangue. Alterações no exame de urina também podem auxiliar no diagnóstico.

 

Tratamento

O tratamento adotado vai depender das manifestações clínicas apresentadas pelo paciente, mas normalmente é feito com corticóides, cloroquina e anti-inflamatórios. 

Em casos mais graves, drogas como ciclofosfamida, micofenolato mofetil, azatioprina e doses muito altas de corticóide podem ser utilizadas. 

Pacientes portadores de lúpus, por fazerem uso de medicamentos imunossupressores, podem apresentar imunidade baixa e terem maior chance de desenvolver formas graves da Covid-19.

Por este motivo os pacientes portadores de doenças reumatológicas autoimunes entre 18 e 59 anos devem ser imunizados contra a doença. Os mesmos devem realizar um pré-cadastro no sistema de informações do Programa Nacional de Imunização (PNI) e receberem a vacina contra a Covid-19. 

Além desta, vacinas contra a gripe e a doença pneumocócica são indicadas a estes pacientes.

Conhece alguém que porta o lúpus consigo ou com familiares? Compartilhe esse conteúdo.

 

Consulte nossos exames!

A RD Xavier Medicina Diagnóstica conta com 2 unidades em Imperatriz, com um corpo clínico especializado, infraestrutura moderna e equipamentos de qualidade.

Faça seu agendamento de exame pelo telefone (99) 3523-2722 ou pelo WhatsApp (99) 99164-5717.

 

Fonte: https://pebmed.com.br/ 

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

OUTRAS PUBLICAÇÕES

FALE
CONOSCO

ENDEREÇO

Unidade I – Juçara
Rua Pernambuco, 545, Juçara,
Imperatriz-MA.

Unidade II – Centro
Rua Paraíba, 694, Centro, Imperatriz-MA.

ATENDIMENTO

Horário de funcionamento:
Segunda a Sexta das 8h às 18h
e Sábado das 08h às 12h.

REDES SOCIAIS

COMO PODEMOS
TE AJUDAR?